Governo do Estado

IBT

IBT

Governo do Estado

DESTAQUES

DINHEIRO RÁPIDO E FACIL

DINHEIRO RÁPIDO E FACIL

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Informativo do Sisef, Edição de 11 de Junho de 2018.



Na última sessão da Câmara Municipal de Vereadores de Filadélfia, realizada na última quinta-feira, dia 07 de Junho de 2018, foram aprovados 02 projetos de leis que dispõem sobre o reajuste ou revisão salarial dos Servidores Púbicos Municipais de Filadélfia Bahia.
Com a aprovação dos referidos projetos, os servidores relacionados neste informativo, (Auxiliar de Eletricista, Auxiliar de Serviços Gerais, Coveiro, Guarda Municipal, Almoxarife, digitador, eletricista, fiscal de tributos, mestre de obras, pedreiro, recepcionista, operador de máquinas leves, Auxiliar de Enfermagem, auxiliar administrativo, motorista, técnico agrícola, técnico de enfermagem, advogado, bibliotecário, contador, enfermeiros, engenheiro agrônomo, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, nutricionista, odontólogo, psicólogo, assistente social, enfermeiro, engenheiro civil, veterinário, inspetor de vigilância sanitária, médico), terão o acréscimo de 3,57% calculado sobre o salário base de 2017, no entanto, os projetos aprovados não dispõem sobre os retroativos referentes aos meses de Janeiro a Maio, conforme legislação vigente e DATA BASE dos servidores públicos municipais de Filadélfia. Assim o Sindicato continua na luta para garantir os retroativos referentes aos meses de Janeiro a Maio.
Por outro lado, o projeto de lei que dispõe sobre o reajuste dos profissionais do Magistério (Professores, Diretores Escolares, Vice-Diretores e Coordenadores), não foi colocado em votação, tendo em vista que além de não constar os retroativos, o percentual proposto pela administração municipal, através do referido projeto, está em desacordo  com o reajuste nacional, ou seja, o reajuste nacional foi de 6,81% linear a todos os profissionais do Magistério, já o percentual proposto pela administração municipal é de 3,57%, sendo aprovado dessa forma gera uma perca de 3,24% na diferença de nível de acordo com a formação de cada professor.
Diante disso, em assembleia geral extraordinária, realizada no último dia 07 de Junho, ficou deliberado que os profissionais do Magistério não retornarão as atividades laborais, após o recesso Juninho, caso a administração municipal  não atenda a reivindicação da categoria.
Att.: Diretoria do Sisef-BA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Governo do Estado

IBT

IBT

Governo do Estado

EMPRESTIMOS CONSIGNADOS

EMPRESTIMOS CONSIGNADOS