O TRABALHO NAO PARA

DESTAQUES

O TRABALHO NÃO PARA

domingo, 3 de setembro de 2017

Adolescente mata o pai para defender avó que estava sendo agredida


Um adolescente matou o pai durante uma briga de família. Segundo a polícia, o médico invadiu a casa onde morava com a mulher e o filho antes do recente divórcio e agrediu a ex-sogra com um soco. Para proteger a avó, o adolescente pegou uma arma e atirou contra o pai, que morreu na residência. O caso aconteceu na cidade de Esplanada, no interior do estado, na tarde deste sábado (2).
Ao site G1, o delegado Wagner Marinho, responsável pelas investigações, relatou que o médico possuía um histórico de agressões contra a mulher. As investigações indicam que ele não aceitou a mudança da ex-esposa e invadiu a residência que fica em um condomínio fechado.
O adolescente foi encaminhado para a delegacia de Esplanada e aguarda definição do Ministério Público sobre o caso. No entanto, de acordo com o delegado, o ato poderá ser classificado como "legítima defesa".
Segundo a polícia, a arma utilizada no crime havia sido dada ao garoto pelo próprio pai há alguns anos. A sogra do médico não morava na cidade e havia chegado a Esplanada para fazer companhia à filha, que estava recém separada. M1

Nenhum comentário:

Postar um comentário