IBT

IBT

cavalgada Geladão dos Amigos

cavalgada Geladão dos Amigos

GOVERNO DO ESTADO

DESTAQUES

GOVERNO DO ESTADO

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Vitória bate a Ponte Preta no Barradão e ameniza crise


O Vitória venceu a Ponte Preta por 3 a 1, nesta quarta-feira (2), no Barradão, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Santiago Tréllez (duas vezes) e Neilton marcaram para o Leão, enquanto Elton anotou para o time campineiro. O resultado amenizou a crise do Rubro-negro, que estava há cinco jogos sem triunfos. 
Com o resultado, o Vitória chegou aos 16 pontos, mas continua na penúltima posição. O próximo compromisso é contra o Flamengo, domingo (6), às 11h, no Rio de Janeiro.
O JOGO
O técnico Vagner Mancini perdeu o meia Carlos Eduardo  horas antes do jogo. O jogador sentiu um desconforto na coxa e foi vetado pelo departamento médico. Com isso, ele escalou Neilton no time titular. 
Para ajudar espantar a fase ruim, o clube apostou na fé e na superstição e despejou sal grosso debaixo das traves minutos antes do jogo. E isso parece que deu certo.  Aos dois minutos, após cobrança de escanteio de Neilton, Tréllez mandou de cabeça, a bola desviou em Rodrigo, e Aranha não conseguiu evitar o gol.
A Ponte tentou responder aos nove minutos em cobrança de falta. Rodrigo soltou uma bomba e Caíque fez uma grande defesa. Na sequência, a zaga do Vitória conseguiu afastar o perigo.
Aos 12, Neilton ampliou o placar. Juninho descolou um bom cruzamento, Rodrigo escorregou, e Neilton ficou sozinho com Aranha. Ele deslocou o goleiro e mandou para o fundo da rede.
A Ponte tentou ir para cima, mas encontrou dificuldades para chegar na área do Vitória. Gilson Kleina até chegou a sacar o meia Jadson e colocou Renato Cajá, mas o time campineiro continuou com o mesmo panorama.
O Vitória chegou ao terceiro aos 35. Elton vacilou na intermediária, David arrancou com a bola e deu um passe açucarado para Santiago Tréllez, que soltou uma bomba, sem chances de defesa para Aranha.  Foi o segundo gol do colombiano na partida.
Segundo tempo 

O técnico Gilson Kleina adiantou a marcação e pressionou a saída de bola do Vitória nos minutos iniciais. 
Aos três, Caíque Sá perdeu a bola. Elton ficou com ela e soltou uma bomba do meio da rua. O goleiro Caíque se esticou todo, mas não conseguiu alcançar. E o time campineiro diminuiu a vantagem do Vitória.
A Ponte Preta apresentou um futebol melhor no segundo tempo e criou boas chances. Aos 18, Danilo recebeu bom passe de Lucca, ficou sozinho com Caíque.  O goleiro salvou com os pés e depois deu um tapa para a linha de fundo. Aos 25, Saraiva fez boa jogada na ponta direita e soltou uma bomba. O arqueiro do Leão fez excelente intervenção e evitou o gol.
Aos 31, Aranha protagonizou um milagre no Barradão. Após cruzamento pela direita, Santiago Tréllez desviou de cabeça, e André Lima arrematou quase na linha do gol. O camisa 1 da Ponte cresceu para cima do centroavante e fez uma excelente defesa.
O Vitória conseguiu se segurar e garantiu o segundo triunfo dentro de casa na competição.
FICHA TÉCNICA

Vitória x Ponte Preta
Campeonato Brasileiro – 18ª rodada
Local: Barradão, em Salvador
Data: 02/08/2017
Horário: 21h
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Leone Carvalho Rocha (GO) e Márcio Soares Maciel (GO)
Assistentes adicionais: Roberto Giovanny Oliveira (GO) e Breno Veira Sousa (GO)
Cartões amarelos: Yago, David e Uillian Correia (Vitória); Naldo (Ponte Preta)
Gols: Santiago Tréllez (duas vezes) e Neilton (Vitória); Elton (Ponte Preta)
Vitória: Caíque; Caíque Sá, Wallace, Kanu e Juninho; Ramon, Uillian Correia, e Yago (Patric); Neilton (André Lima), David e Santiago Tréllez (Danilinho). Técnico: Vagner Mancini.

Ponte Preta: Aranha; Jeferson (Nino Paraíba), Marllon, Rodrigo e Danilo; Naldo, Elton, Jádson (Renato Cajá) e Maranhão (Felipe Saraiva); Lucca e Emerson Sheik. Técnico: Gilson Kleina

Nenhum comentário:

Postar um comentário

GOVERNO DO ESTADO