O TRABALHO NAO PARA

DESTAQUES

O TRABALHO NÃO PARA

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Irreconhecível, Bahia é goleado pelo Atlético Paranaense na Arena da Baixada


O Bahia foi até Curitiba enfrentar o Atlético Paranaense na Arena da Baixada, jogo que aconteceu neste domingo (13), pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro e fez feio fora de casa.
O tricolor chegou até a abrir o placar com um belo gol de Mendoza, mas depois disso só deu Furacão, que marcou quatro gols e goleou o Esquadrão.
JOGO
1º TEMPO
O jogo começou morno. Logo aos 17 minutos o lateral-direito Jonathan sofreu uma lesão na parte posterior da coxa direita e deu lugar a Cascardo. Três minutos depois, Eduardo cruza a bola para a área, Rodrigão desvia e Mendoza chuta forte, a bola ainda pegou na trave antes de entrar. Gol do Bahia. Mas não demorou muito para o Furacão empatar. Aos 24 minutos, Matheus Reis pega com a mão na bola disputa pelo alto com Nikão e o juiz marca pênalti. O próprio Nikão cobrou e marcou o gol. Após isso, não houve mais nada e Sandro Meira Ricci apitou o fim do primeiro tempo.
2º TEMPO
A segunda etapa começou bastante agitada. Aos 3 minutos, o lateral-esquerdo Fabrício chuta forte uma falta e Jean faz bela defesa, evitando o gol do Atlético. Um minuto depois, Régis cobra a falta na cabeça de Tiago que quase marca, a bola pega no travessão e sai. Aos 6 minutos, o zagueiro Thiago Heleno foi mais eficiente do que o xará do Bahia e aproveitou a falha da defesa tricolor para virar o jogo com um gol de cabeça, após cobrança de falta.
O Esquadrão sentiu o gol e não conseguiu mais criar jogadas após isso. Aos 10 minutos, Jean faz outra bela defesa, novamente em um chute de Fabrício. Mas três minutos depois, o goleiro do Bahia não conseguiu evitar o gol contra de Éder. Nikão cruza rasteiro, o goleiro tricolor estava na bola, mas o zagueiro se preciptou e colocou a bola pra dentro da própria meta com um carrinho. 3 a 1 para o Atlético.
O jogo tinha esfriado, os donos da casa faziam jogadas apenas nos contra-ataques. Mas num vacilo do volante Juninho, que tentou um passe pra trás para o lateral Eduardo, Nikão entrou na grande área, passou para Guilherme que chutou exigindo outra bela defesa de Jean, mas a bola sobrou para Sidcley que não teve piedade e fechou o caixão. Atlético Paranaense 4, Bahia 1.
No final do jogo o goleiro Jean do Bahia sentiu o tornozelo direito e será reavaliado nesta segunda (14).
FICHA TÉCNICA:
Atlético/PR 4x1 Bahia - Campeonato Brasileiro - 20ª rodada
Local: Arena da Baixada, em Curitiba
Horário: 19h00
Gols: Nikão, Thiago Heleno, Éder (Contra) e Sidcley (Atlético Paranaense); Mendoza (Bahia)
Cartões Amarelos: Matheus Rosseto e Thiago Heleno (Atlético Paranaense); Eduardo, Matheus Reis, Éder e Zé Rafael (Bahia)
Árbitro: Sandro Meira Ricci - SC (FIFA)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho - SP (FIFA) e Marcelo Carvalho Van Gasse - SP (FIFA)

Atlético Paranaense: Weverton; Jonathan (Cascardo), Wanderson, Thiago Heleno (Zé Ivaldo) e Fabrício; Matheus Rossetto, Esteban Pavez, Guilherme e Nikão; Lucas Fernandes (Sidcley) e Ribamar. Técnico: Fabiano Soares
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Éder, Matheus Reis; Edson (Juninho), Renê Júnior e Régis (João Paulo); Zé Rafael (Ferrareis), Mendoza e Rodrigão. Técnico: Preto Casagrande

Galaticos Oline

Nenhum comentário:

Postar um comentário