DESTAQUES

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Suspeito de matar mulher na frente dos filhos em Monte Santo pega mais de 21 anos de prisão por feminicídio


Um homem suspeito de matar a tiros própria mulher na cidade de Monte Santo, na região sisaleira da Bahia, foi condenado a 21 anos, nove meses e 15 dias de prisão. O crime ocorreu em maio de 2016. Segundo o G1, José Antônio Cardoso, de 40 anos, foi acusado de feminicídio e julgado, na quarta-feira (13), na comarca da mesma cidade onde o caso ocorreu. Conforme o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), o assassinato ocorreu na presença dos cinco filhos do casal, quatro deles menores de idade. José Antônio estava preso desde o final de agosto de 2016. Ele foi localizado dez meses após o homicídio. Segundo a investigação, o crime teria sido cometido porque a mulher decidiu se separar do suspeito e ele não aceitava. A Justiça condenou o suspeito por feminicídio, tendo como agravantes motivo fútil e uso de emboscada que dificultou defesa da vítima. Fonte: Santaluznoticia

Nenhum comentário:

Postar um comentário