IBT

IBT

cavalgada Geladão dos Amigos

cavalgada Geladão dos Amigos

GOVERNO DO ESTADO

DESTAQUES

GOVERNO DO ESTADO

sexta-feira, 23 de junho de 2017

OAB de Senhor do Bonfim se manifesta sobre proibição da guerra de espadas


NOTA DE ESCLARECIMENTO
A OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, Subseção de Senhor do Bonfim, devidamente representada pela sua Diretoria no final apontada, diante dos fatos que estão ocorrendo em nossa Cidade no que diz respeito à realização ou não do Show de Espadas, tradicionalmente ocorrido todos os dias 23 de junho, há muito tempo, vem  se  manifestar com os considerandos e conclusão abaixo:
CONSIDERANDO que há muitos e muitos anos a nossa Cidade sempre pautou e realizou a nossa tradicional noite junina de São João, com muita festa, alegria, fogueiras, espadas e fogos;
CONSIDERANDO que as festas juninas estão incorporadas, há décadas na vida de todos os bonfinenses, todos os baianos e porque não dizer todos os brasileiros e até estrangeiros, já que transcende as fronteiras do nosso município;
CONSIDERANDO que o “show de espadas” tem destaque todo especial, SE CONFUNDINDO, inclusive com o próprio São João; 
CONSIDERANDO que os acontecimentos dos últimos dias podem trazer prejuízo cultural e, portanto social e financeiro a toda Bonfim;
CONSIDERANDO que a OAB na única vez que foi convidada a participar da discussão do problema com as Autoridades constituídas se fez presente no prédio da Universidade do Vale do São Francisco e se posicionou TOTALMENTE FAVORÁVEL a realização do show, inclusive sugerindo diante do impasse um espaço alternativo para acontecer o evento, colocando a entidade sempre a disposição dos condutores do problema;
CONSIDERANDO que houve a determinação da união das Autoridades para resolver o problema, ficando a OAB na expectativa de uma solução que agradasse a todos;
CONSIDERANDO e acreditando que tudo seria resolvido a OAB foi surpreendida no dia de ontem, 22 de junho de 2017, com a Decisão do MM Juiz da Vara Crime, que proibiu a realização do show, punindo com prisão e multa;
CONSIDERANDO os festejos onde todos estamos envolvidos com amigos e familiares, teve a OAB dificuldade em se reunir, o que somente ocorreu hoje;
CONSIDERANDO que mesmo dentro da nossa entidade existem divergências de opiniões quanto a realização do show, para nos posicionarmos;
CONSIDERANDO que a OAB acreditava no bom senso das Autoridades em encontrar uma solução positiva, o que não aconteceu, já que foi instalado um imbróglio INSTITUCIONAL entre o Ministério Público, Judiciário, Polícia e Executivo, quando foi judicializado todo o problema, já do conhecimento de todos;
CONSIDERANDO que a efetiva participação da OAB, enquanto instituição, junto à sociedade é a maior conquista da cidadania do povo, já que sempre participou de todos os movimentos de grande importância para a sociedade;
CONCLUSÃO:
Deixa bastante claro a OAB que nunca se furtou a participar de nada que envolva os Advogados e a sociedade, mantendo uma postura de reivindicação e de respeito às Autoridades constituídas e as combatendo dentro da Lei e dos princípios legais;
Defendemos as nossas prerrogativas e respeitamos a do próximo.
Mesmo reconhecendo a complexidade da celeuma instalada, diante do que consta nas normas legais, devemos entender e acatar o nosso passado e presente cultural e social, apelando para o bom senso das AUTORIDADES no sentido de uma solução que preserve o show de espadas, nos posicionamos favoráveis à realização da nossa festa maior que é o brilho das espadas na nossa noite de São João.

Senhor do Bonfim/BA, 23 de junho de 2017.

Antônio Raimundo Cícero Campos                 Thyara Mendes Bulhões
Presidente                                                        Vice-Presidente

Gabriela de Carvalho Melo Pita Araújo            Ricardo Veras Marques Junior
Secretária Geral                                               Secretário Adjunto

Cícero Alberto de Moura Lima Filho
Tesoureiro


Nenhum comentário:

Postar um comentário

GOVERNO DO ESTADO